… Mil Anos Como Um Dia

Um argumento popular usado pelos evolucionistas teístas é a passagem de 2 Pedro que diz: “…para o Senhor, um dia é como mil anos, e mil anos, como um dia”. No entanto, a narrativa grega é totalmente diferente do estilo hebraico encontrado em Gênesis, e não há qualquer indicação de que, no relato da criação, “dia” signifique outra coisa a não ser 24 horas. A palavra hebraica “yom”, ou “dia”, é usada em várias partes da Bíblia e abrange uma grande variedade de definições. Contudo, essas definições são facilmente entendidas quando lidas dentro do seu contexto.
Jonas 1:17 diz: “e esteve Jonas três dias e três noites no ventre do peixe”.
Seria muito difícil encontrar alguém dizendo que, na realidade, ele ficou ali três mil noites… Mas, quando se trata da declaração “em seis dias, fez o SENHOR os céus e a terra…”, muita gente está MAIS DO QUE DISPOSTA a torcer as verdades claras da Bíblia.
Se a linguagem simples da narrativa da criação pode ser reinterpretada com tanta facilidade, então, o que virá a seguir? Será que continuaremos a crer que Jesus, Yeshua, foi manifesto em carne para morrer pelos nossos pecados? Serão os milagres realizados pelos discípulos apenas registros alegóricos? Moisés viveu mesmo até os 120 anos? Jesus esteve realmente no túmulo por 3 dias e 3 noites, ou isso era apenas uma expressão idiomática do hebraico?
Não importa o quanto tentemos negar, a Bíblia ainda afirma que demorou apenas seis tardes e manhãs para o universo ser criado. Não foi a natureza seguindo seu curso, mas um milagre, exatamente como o nascimento de Cristo ou como o cego tornando a ver.

Sou David Rives…
Os Céus Realmente Proclamam a Glória de Deus.
Tradução: Mariza Regina de Souza

EMAIL UPDATES

Sign up for David Rives Ministries' Creation Weekly. Breaking news. Science updates. Biblical discoveries. Special offers.

STRENGTHEN YOUR FAITHwith unshakeable evidence

Sign up for David Rives Ministries' inspirational and educational Creation Weekly. Breaking news. Science updates. Special offers. Biblical discoveries.